Como uma menina

Como obter uma menina para ser sua namorada? A boa notícia é que você descobriu uma garota que você realmente gosta e você quer que ela seja sua namorada. A terrível notícia é que, cada vez que você pensar em pedir a ela para torná-lo oficial, você começa a sentir-se ansioso ou desconfortável. Como ter uma menina. Os espermatozoides X (menina) são maiores, mais fortes, mais lentos e mais resistentes em condições moderadamente adversas ou ácidas. Além disso, duram mais e podem esperar alguns dias pelo óvulo. Escrever não é uma ação tão simples quanto parece, a criança tem que manipular um repertório de habilidades motoras finas e complexas, um processo que envolve muitas funções cerebrais, tais como atenção, memória, percepção (integração e interpretação de dados sensoriais), entre outras. Como Ser uma Mocinha de Verdade. Você gostaria de ser uma mocinha de respeito? Leia abaixo como ser uma em apenas alguns passos. Você poderá fazê-los não importa de onde venha ou que escola frequente. Cuide do que você tem. Não existe... Nesse artigo vamos te explicar como tirar a virgindade de uma mulher sem causar nenhum trauma para ela.. A expectativa sobre a primeira vez de uma mulher é bem diferente da do homem. Para os homens costuma gerar entusiasmo, já para muitas mulheres pode trazer um pouco de receio e medo. Como ... Como Beijar uma Menina pela Primeira Vez . Um beijo pode ser um daqueles momentos românticos que você nunca vai esquecer. Mas se você é um garoto que nunca beijou uma garota antes, os momentos que antecedem o beijo podem ser bastante assustadores. Como a flertar com uma menina sobre o texto? Nem todos os homens são os mestres quando se trata de impressionar uma menina com as técnicas de paquera. Há um grande número de homens que são muito bons em impressionar uma menina, elogiando-os e usando técnicas flertando com facilidade. Como uma mulher que assistia à prova, já nos metros finais, e gritava para quem passava: 'Parabéns! Parabéns! O importante é participar!'. Na altura rimos bastante e cortámos a meta a rir às gargalhadas com esta frase. É, sem dúvida, verdade, e a senhora tinha a melhor das intenções, mas também sabemos que estamos muito em baixo na classificação quando à chegada nos brindam com ... Como uma mulher se torna muito mais excitada, você deve sentir o ponto G inchar e se tornar mais pronunciado, este é um BOM sinal de que ela está pronta para ser penetrada. Mas queremos guardar isso para mais tarde, pois o objetivo aqui é fazer com que ela goze até esguichar. Como Fazer Uma Mulher Gozar E Esguichar Técnica Com 1 Dedo

Não consigo mais ver pornô, fico sempre me perguntando se a pessoa tá lá por que quer

2020.10.22 16:03 chowket Não consigo mais ver pornô, fico sempre me perguntando se a pessoa tá lá por que quer

Depois de ler umas coisas bem nojentas sobre a indústria e eu mesma ver meninas que não tem como trabalhar normal no twitter terem que fazer isso pra sobreviver ou que foram forçadas eu simplesmente não consigo mais. Principalmente com a situação econômica agora.
Eu fico me perguntando: porra se você PRECISA fazer uma coisa sexual para sobreviver, como que isso pode ser consentimento 100%? como eu não sei se essa pessoa tá lá obrigada, se tem alguém forçando ela? mesmo com estúdios profissionais tem vários escândalos de eles forçarem as atrizes a fazer certas coisas e não tem como a gente que assiste saber.
Fora que só visitar os sites já me deixa com ânsia de vômito por que é 90% incesto, teen (POR QUE MEU DEUS), hidden camera ou coisas muito violentas. É um esforço achar algo "vanilla" principalmente sendo lésbica.
Sei lá, tô vendo mais vantagem em hentai. Pelo menos só quem sofre é um fellow weeb que vai desenvolver tendinite.
submitted by chowket to desabafos [link] [comments]


2020.10.22 10:00 meucat Caso Joe Biden filho: eu vi os documentos assinados pelo conserto dos notebooks e também assinados pelo FBI um ano atrás pela receptação dos mesmos. Mesmo assim a mídia podre não publica nada por ser uma "suposta historia sem comprovação".

Pois é ... pois é .... pois é....
Neste primeiro vídeo do canal FOX NEWS, no min 2:00 eles mostram o documento assinado por Hunter Biden na empresa de reparação dos notebooks, e logo a seguir o documento assinado pelo FBI recebendo os notebooks em dezembro 2019. Ou seja, a historia É REAL.
Agora alguns senadores estão começando a cobrar do FBI seu silencio. Também aparece um sinistro interrogante: por que até agora ninguém do comité do Joe Biden disse que estes e-mails e fotos intimas são FALSOS?
Pois pasmem, no min 2:40 do vídeo aparece nosso velho conhecido VERDEVALDO do Intercept gritando "ninguém na campanha do Joe Biden, nem o o Hunter Biden ou nenhuma outra pessoas tem sequer INSINUADO que estes e-mails e imagens são falsos".
https://www.youtube.com/watch?v=WAVp57zf5to
No Brasil, se vc. ler G1, Estadão, Folha.... o único que vai achar é "twitter e facebook bloqueiam artigos do NY Post por tentar publicar links de uma historia estranha que não tem comprovação sobre SUPOSTOS negócios do filho de Joe Biden na Ucrânia".
Eles noticiam como se fosse uma historia marginal sem muita importância, tipo "fofoquinhas naturais numa campanha pela presidência aos quais vocês leitores não devem levar muito a serio" .
No segundo vídeo vemos a Rudolph Giuliani fazendo declarações de cair o queixo ao canal NEWSMAX (pelo que observei tem 70 milhões de assinantes).
O Giuliani entre outras coisas mostra um e-mail (min 5:00) do Hunber Biden dirigido ao seu pai Joe Biden, comentando uma conversa com a sua cunhada (que também foi sua amante), sobre supostos encontros com garotas nuas de 14 anos, estando ele nu e drogado pelo crack. Também Giuliani diz que ha grande quantidade de fotos destas meninas e do Hunter nus no laptop, o que confirma o teor do e-mail.
Guiuliani também comenta sobre e-mails onde a "famíglia" Biden se divide a grana dos lobbies executados pelo seu filho nos últimos 30 anos (incluso na China), onde o "big guy" recebia 10% do dinheiro.
O "big guy" ja foi devidamente identificado sem duvidas como sendo Joe Biden, que seria o patriarca da "famiglia" (tem 5 membros na lista). Ele lamenta que Joe Biden tenha usado um filho viciado no crack durante todo esse tempo para arrecadar dinheiro fazendo lobbies mundo afora.
A seguir Giuliani reclama que tendo todas estas provas à mão, a grande mídia americana (ele cita textualmente uma por uma ABC,NBC,CNN,NY Times,Washington Post....) se recusam a informar ao publico, e que ainda na internet Facebook e Twitter bloqueiam as tentativas de mostrar a noticia.
https://www.youtube.com/watch?v=coFx3ZDXWrg
submitted by meucat to brasilivre [link] [comments]


2020.10.21 23:06 Biell2015 Minhas tentativas de arrumar uma namorada...

[Primeira]Eu conheci essa menina em uma mesa de uma escola, eramos de turno diferentes, e eu basicamente vi que tinha umas coisas escritas na mesa, ai eu escrevi uma frase que não me lembro, mas era romântica (eu acho), ai uma das amigas me respondeu no outro dia, e fomos conversando (eu e a amiga dela, eu descobri isso depois) ate que eu deixei meu numero na mesa, e depois no outro dia eu recebi umas mensagens no whatsapp de uma da amigas dela, no inicio elas estavam me zuando (descobri depois), mas depois teve um dia que os turnos se juntaram e eu conheci elas e eu comecei a gostar dela realmente (eu não sabia que na verdade eu tava falando com a amiga dela nas mensagens kkkk), ela sabia que eu gostava dela (não sabia diretamente por mim), mas mesmo assim ela não fazia esforço para me " "ajudar" ", sempre no meio das(os) amigas(os) dela, e então eu nunca consegui dizer que gostava dela.

[Segunda]Essa outra da para resumir bem, ela estudava na mesma avenida que eu estudava nessa escola que eu citei acima, ela pegava o mesmo ônibus que eu, e morava no mesmo bairro que eu. Nunca consegui falar com ela no ônibus e nem na estação de ônibus. Achei o facebook dela e conversei com uma amiga dela (provavelmente por isso o namorado dela começou a aparecer frequentemente, e eu recebi a ameça que eu cito mais afrente...) e recebi uma boa lição nessa historia kkkkk, basicamente ela já tinha namorado, e o amigo dele me ameaçou de morte, fim kkkkkk.

[Terceira] Apresentado por um amigo, ela gostava das mesma coisas que eu (animes e cultura japonesa e lol), foi muito incrível (meio amargo agora....) a nossa primeira conversa, conversamos em japonês (google tradutor e claro), foi mais ou menos no meio da história que meu amigo me levou na casa dela para conhece-la (só a tinha visto por fotos, e meu deus, a sensação de ver alguém que você gosta pela primeira vez e surreal), e como eu tinha contado para ela no whatsapp que eu nunca tinha beijado nenhuma garota, ela tinha dito que iria tirar meu bv naquele dia, com certeza (pensando bem agora, e juntando com as coisas que eu vou disser mais a frente, ela não tirou o meu bv porque gostava de mim, acho que foi mais porque, sei la, deve ter gente que curte tirar a virgindade das pessoas, e têm prazer fazendo isso). Depois disso eu gostei cada vez mais dela, e queria vela cada vez mais, mas eu não podia, porque ela morava com apensas com a mãe, e la não gostava disso, ate por motivos de traumas da filha, então era ela muito protetora da filha, então eu ia na casa dela (ela morava perto, cerca de 1 km, eu ia a pé) quando ela estava indo para a escola, e como eu irei explicar? não lembro exatamente das quantidades de vezes que eu fui la, provavelmente umas 3? (que eu realmente vi ela, porque eu fui mais vezes e nessas vezes eu não vi ela, ou ela saiu mais cedo e etc). E eu não me lembro da ordem do eventos, mas basicamente na primeira vez ela não me notou (ou não qui notar de primeira), na segunda se eu não me engano ela estava atrasada então foi muito rápido, e alguém chegou para buscá-la, e nos não podíamos nos abraçar demais, e entre a segunda e a terceira, nos brigamos por causa que ela não queria uma apresentação formal a mãe dela e eu disse algo (eu juro que não me lembro, pode ser que eu tenha passado dos limites dizendo oque eu disse, ou pode ser que ela não tinha maturidade só para conversar, eu não sei, vai saber), e quando eu fui vela ela não queria que eu me aproximasse dela e o escolar buscou ela, e depois disso ela não me respondia mais, então aparentemente ela não gostava tanto assim de mim....

Como podem ver minhas experiencias com tentar arrumar uma namorada não são muito boas, e como eu sou tímido, antissocial e introvertido, eu acho que eu não vou arrumar uma tão facilmente, já que as minhas tentativas ou foram por amigos ou por uma escola, e como eu já me formei, então não tenho nenhum lugar para tentar, e eu também não tenho amigas, e as minhas experiencias com as minhas amigas são parecidas com tentar arrumar namoradas, todas desapareceram, como se não se importassem, e ninguém tentou me contatar de volta, eu acho que o problema sou eu, sei la, não fui feito para essas coisas, acho que eu deveria ficar na minha mesmo, com meus próprios pensamentos, como um bom introvertido, não sei nem porque estou escrevendo isso e postando....
submitted by Biell2015 to desabafos [link] [comments]


2020.10.21 20:49 Savings-Radish-4673 Texto based (Não é meu)

Quão desocupado a pessoa tem que ser pra querer fazer uma reforma no português, eu gostaria de saber quem foi o verme que criou esta doença. Eu juro que se acho o maldito na rua dou logo um murro no hiode para quebrar, pronome neutro foi inventado para não magoar os sentimentos de quem não se considera mulher ou homem, se algum imbecil, acéfalo, monoteta demónio se ofende com alguém ter chamado ela de ele ou ele de ela, deve no mínimo ter esquizofrenia ou sofrer de outros distúrbios mentais graves. Vamos chegar para um fodendo motorista de ónibus e falar "Sabe o português? Sabe que antes tu chamava de "ele", "ela" por que pra falar a verdade ninguém liga e é só uma língua que serve pra comunicação? Que tal você assistir 2:35:20 do meu áudio book sobre "Pronome Neutro"?"
Puta merda, aberração para com isso! A sociedade moderna está totalmente doente, dilacerada, fudida, pois coisas idiotas como essa são feitas. Piadas? Me ofendi. Sou uma "menina" trans e tu me chamou pelo meu gênero de nascimento? Homofobia. Use pronome neutro com não- binaries, eles se sentem ofendidos. Meu irmão eu não ligo se você se ofende mano, não sou obrigado a fica falando que nem um macaco albino, mesmo que os macacos são mais inteligentes de quem adere isso, resumindo eu fico puto.
Vai toma no c* menines é o caralho, amigues é o caralho, pronome neutro é a cabeça da minha pomba.
submitted by Savings-Radish-4673 to brasilivre [link] [comments]


2020.10.21 18:31 Carls296 Estou indo pedir ele em namoro

Algumas semanas atrás postei algo pedindo dicas de como ajudar meu amigo trans,nós temos uma história bem longa temos um rolo de básicamente 3 anos ele disse que gosta de mim a algumas semanas e eu também sinto o mesmo,então voltemos ao título estou indo pedir ele em namoro,ele é uma pessoa muito timida e sei que não vai ter coragem de me pedir então eu como uma boa menina apaixonada estou indo lá na casa dele pedi-lo em namoro,já esta tudo combinado com uma amiga dele para ela me ajudar espero mesmo que de tudo certo,de qualquer forma mais tarde venho aqui comentar no que deu
submitted by Carls296 to desabafos [link] [comments]


2020.10.21 17:06 EhALeiQuiMeManda Sobre o vídeo das duas irmãs no aniversário...

https://g1.globo.com/poeste-sudoeste/noticia/2020/10/21/a-gente-se-desentende-mas-se-acerta-diz-menina-que-levou-puxao-no-cabelo-apos-apagar-vela-de-aniversario-da-irma-cacula.ghtml
Provavelmente a emissora local deve ter procurado a família depois que o vídeo viralizou, mas me incomoda muito a mãe ter que ir à público explicar algo que não precisa de explicação.
As pessoas, independente do espectro político ou da ideologia, insistem em ditar regras e exigir como as pessoas devem se comportar... E nos últimos dias isso se estendeu a uma criança de 6 anos.
Houve vários comentários aqui no sub, com direito a análise psicológica e comportamental, feita de maneira remota, por um dotô usuário do sub.
Puta que pariu. 6 anos... A guria não fez nada que fugisse o esperado de uma relação entre duas irmãs, crianças, que ainda estão em fase de disputa por atenção.
Se você é capaz de fazer seu filho de 6 anos agir como um adulto totalmente civilizado, parabéns, você é o Freud desse século, mas é preciso mesmo sinalizar a sua virtude ou a virtude de seus filhos em cima de situações alheias?
Queria escrever mais, mas já falei bastante... Lembrem-se, a internet estraga vidas. Fui
submitted by EhALeiQuiMeManda to brasilivre [link] [comments]


2020.10.21 07:00 Stukinho Vou contar um pouco da minha história... Foi bem triste, mas uma vida de alguém que nunca teve problemas financeiros

Bom... Me chamo Otávio e tenho 12 Anos, não sei se tenho direito pra falar q tenho uma história, mas acho que sim pois ja vivi mais de 1 década, eu sempre fui muito extrovertido, mas eu sofri muito bullying, porque eu nasci no banheiro da minha casa, e ficavam falando que eu era um bosta, e outro motivo também: meu nome era Otávio, e me chamavam de Otário, eu sempre era excluído porque era ruim em futebol, então no recreio eram divididos 2 times e sempre eram os mesmos, que eram os dos ruins e o dos bons, eu sempre ficava no dos ruins, e tenho que admitir eu era horrivel. Eu era um bom aluno, mas tinha poucos amigos, um dia no terceiro ano da minha escola, eu fui pra mais um recreio, ia começar o jogo dai chegou um garoto falando pro "melhor do time" dos melhores, e o garoto falou se vc n deixar eu jogar com vcs eu vou falar pra professora, a professora tinha dito que se não deixassem ele jogar com os melhores ia guardar a bola, então no outro recreio fiz a msm coisa do q o garoto, e entrei pro time, so que eu sempre fui ruim de qualquer jeito, ganhei mais respeito, e entrei no grupinho deles, no quarto ano todos eram meus amigos,e no quinto ano eu comecei a me achar o mais foda, pq todos gostavam de mim, as meninas so falavam sonre mim, e eu me sentia o cara, até que no sexto ano decidi mudar o turno da tarde para manhã, e fui pra manhã com 2 amigos que eram da tarde, os meus melhores amigos, pois um irritava o outro , e era mt engraçado ver ele irritado. Enfim eu sofri um pouco de bullying no inicio por me chamarem de otario, mas como eu era o palhaço da turma, que fazia todo mundo rir ganhei respeito, e em todos os recreios todo mundo começou a me seguir sem eu falar nada, e todo mundo ficava se zoando e rindo, e tipo todo mundo ficava em volta de mim, e eu simplesmente falei, mano todo mundo tem que ser amigo, não inporta se eu acho que o cara é de um jeito estranho, ele n pode ser excluido como eu sempre fui, ent essa é a dica glr, msm q seja a pessoa mais estranha, n exclua ela do seu grupinho.
submitted by Stukinho to desabafo [link] [comments]


2020.10.21 03:03 PegsBr Um pensamento meu (nada triste, mas intrigante)

Eu sempre fui de pensar muito e então eu tive pensando um pouco sobre isso esses dias e basicamente aqui vai: só eu que acho que o mundo ta meio louco e as pessoas estão cada vez mais se guiando por extintos? Bem, lembrando que eu tenho 17 anos, então não falo pelos adultos nem nada do tipo, mas pelo povo que ta nessa faixa etária, mas de qualquer forma, aqui vai o que me fez chegar a essa conclusão. Na escola eu vejo muita gente falando de depressão e tristeza e então tem o setembro amarelo que todo mundo se apoia e envia cartas pra todo mundo e tudo mais. Mas em um dia qualquer, eu vi uma menina que não é amiga minha chorando no meio da sala e era algo extremamente perceptível. Eu olhei pros lados pra ver melhor a situação e ninguém ligou, nem as "amigas" dela. Eu sou um cara extremamente tímido, mas eu não podia deixar aquilo de lado e então, por mais que eu tenha passado uma dificuldade danada pra isso, eu consegui criar a coragem pra pelo menos mandar uma mensagem pro whatss dela perguntando se ela precisava de um papo ou algo do tipo e ela viu na hora a mensagem, como se estivesse esperando no desespero alguém, mas então quando ela viu que era eu, ela falou que não precisava mas que ficou feliz em saber que eu me preocupei. De qualquer forma, uma coisa similar aconteceu em um ponto de ônibus, quando eu estava lá esperando pra pegar um interurbano pra ir pra casa. Tinha uma mulher chorando do meu lado e eu tava em um banco pequeno, mas cheio, com umas 6 pessoas, aproximadamente e vou resumir, novamente a mesma coisa, demorei alguns minutos pra conseguir criar coragem pra falar com a mulher enquanto todo o banco cagava pra existência dela. No fim das contas a mãe dela tinha morrido e ela tava triste e eu fiquei batendo um papo com ela e talz pra tentar dar uma alegrada na vida dela. Cada vez a gente vê pessoas mais tristes, mas é como se ninguém se importasse com ninguém e essa hipocrisia me deixa meio abismado, impressionado como que o ser humano consegue ser assim. Outra coisa que me faz acreditar que eu sou um E.T é, por exemplo, as redes sociais. Sério, as vezes eu vejo pessoas falando, olha quantos likes eu ganhei, olha como que eu fiquei lindo(a) nessa foto, fora quando falam, fulano é popular e todo mundo gosta dele. Idai? Que q vc ganha sendo popular? Que nem quando pessoas tiram foto ostentando um prato caro e recheado de merda que eu nem sei o nome, idai? Pra que que você precisa dessas coisas, de likes de uma apreciação temporária superficial, pq a pessoa não ta te apreciando, ela ta apreciando o seu dinheiro, ou a sua fama, sla. Outra coisa que eu vejo é nos "relacionamentos". Direto eu vejo meus amigos falando entre si, olha que mina gostosa, olha que gata, que peitão, ou então, nossa peguei (qualquer nome) e ela era linda e caralho a 4. Cara, qual a graça disso tudo, eu realmente não consigo entender, será que o seu instinto te guia tanto assim? Pq eu não vejo gente falando, eu procuro uma pessoa boa ou semelhantes. Nesses últimos dois anos me apaixonei por duas garotas (e falhei, mas tamo ai kkkk), sendo que uma era baixinha loira do olho azul e outra era mais alta que eu até, do cabelo escuro e olho castanho, duas pessoas com perfis totalmente diferentes, mas eu gostei do que elas eram, da forma que elas viam o mundo e as pessoas, mas eu não vejo ninguém que valorize isso, parece que o mundo virou uma roda de putaria e troca troca. Sabe, eu não to sofrendo de amor, por mais que pareça, mas o que eu digo é, parece que o ser humano em sua essência, a pessoa em si, vem se tornando cada vez mais insignificante e o que importa não é você, mas o exterior a você, o que você tem, veste, come, seus olhos, corpo e afins. Só eu que acho esquisito esse superficialismo?
submitted by PegsBr to desabafos [link] [comments]


2020.10.21 02:00 aPoor_ NÃO SEI MAIS O QUE DEVO FAZER

Tudo começou após o término de um namoro antigo que acabou e me deixou com um princípio de depressão e crise de ansiedade, nessa época eu fiz amizade com una menina que era da minha sala, ela namorava fazia quase um ano e isso n mudava em nada nossa amizade. Ela me ajudou muito, me tirou do fundo do poço varias vezes e sem dúvidas é a melhor amizade que eu ja tive. Isso ja faz 2 anos e desde então mantemos nossa amizade após o termino dos estudos e ficamos cada vez mais próximos, ela sempre foi muito parceira pra tudo, e eu tbm ajudei mto ela com as dificuldades que ela tinha, nós temos uma sincronia q é incrível e muito boa, parece q estamos sempre no mesmo ritmo, é maravilhoso, e nunca passou de uma amizade. A um ano e 4 meses eu comecei a namorar com uma pessoa incrível, que me faz muito feliz e nos amamos demais e as coisas sempre correram muito bem, estamos noivos, planejamos nosso casamento e tudo correu muito bem, todas as coisas compradas, nossa casa quase pronta, acabada, ganhamos muitos presentes, estamos muito felizes. E onde todas essas informações se encontram ?? A algumas semanas durante uma conversa com a minha amiga que também esta noiva, estavamos falando sobre o passado e relembrando tudo q passamos juntos e começamos a falar sobre a nossa conexão, durante a conversa alguém falou sobre sentimentos e de repente a ficha caiu para os dois, que desde o começo da nossa amizade, gostamos muito um do outro, e sempre sentimos a mesma coisa em todas as situações que lembramos detalhadamente, e sempre mantivemos isso bem guardado por respeito um pelo outro e por medo de acabar com a amizade. E finalmente conseguimos colocar isso pra fora, foi libertador, uma sensação muito boa mas confusa de reciprocidade, alegria e medo. Não consigo deixar de pensar em tudo que vivi com ela e muito menos ignorar oq sinto por ela e ela esta na mesma situação. Ultimamente penso todos os dias nela e sinto medo, de perder esse sentimento, sinto como se isso fizesse tanta parte de mim que n posso ficar sem, e esse sentimento fez com q nós dois pensássemos em não casar agr pra ter certeza de td q estamos sentindo, mas chegamos a decisão de que isso n é certo, pois ja formamos uma vida com outra pessoa. Mas ao mesmo tempo n queremos abrir mão um do outro. Egoísta da nossa parte? Eu acho q sim E sinto que se nós nos "separássemos", seria tão difícil de me recuperar quanto se terminasse meu noivado. Sinto as vezes que estou tomando a decisão errada em seguir com o casamento, mas depois lembro de td o porque estou casando com a minha noiva. E ultimamente tenho me sentido um lixo pelo fato de não ter certeza do q devo fazer, e por sentir que minha relação com a minha amiga, mesmo n tendo nd, é mais forte do q a relação com a minha noiva. Porque isso teve que vir a tona agr ? Porque não a 2 anos atrás? Só consigo pensar que me arrependo de n ter tido essa conversa com minha amiga a 2 anos atrás.
Isso está me corroendo por dentro e precisava desabafar, eu nunca me senti tão conectado com alguém como sinto com a minha amiga e isso me deixa muito confuso, muito confuso mesmo.
submitted by aPoor_ to desabafos [link] [comments]


2020.10.21 01:58 anonanon3321 Ser fudido no amor

Em 2018 eu gostava de uma menina na minha sala mas não era recíproco, ai continuamos amigos. Sério, foi a menina que eu mais gostei na minha vida, mas sofri muito ao mesmo tempo (Isso foi culpa minha, não dela).
Ano passado cheguei a namorar (já terminei) mas toda vez que eu saia com essa minha crush de 2018 e meus amigos, parecia que ainda tinha algo que eu me atraia nela. Aquela personalidade é incrívelkkkkkk.
Eu ainda tenho atração por ela mas obviamente não demonstro, então acabo ignorando esse sentimento. Não vim pra pedir conselho, só contar minha história sobre como me apaixonei por uma menina por causa da personalidade incrível dela.
submitted by anonanon3321 to desabafos [link] [comments]


2020.10.21 01:38 Lohancn Vontade de chorar ao editar um documentário sobre a tragédia de Mariana em 2015

Sou editor de vídeo, e fui convidado a algumas semanas a fazer um ep, no caso o terceiro, de um documentário/série sobre o rompimento da barreira da Samarco em 2015.
Meu ep fala sobre o trabalho dos voluntários, que foram pra cidade ajudar as pessoas vítimas do desastre.
Tudo ia bem, até um dos entrevistados, que fui nos primeiros dias pós desastre, através de uma comitiva da sua igreja evangélica, contar como foram os primeiros dias de ajuda, que a princípio era tentar limpar a lama das casas.
Uma das primeiras casa sonde essa pessoa chegou para ajudar estava com lama até a altura do joelho, e a família que morava alí é composta por 3 pessoas, um homem, uma mulher e uma menina de 7anos na época.
O que me despertou um desejo de choro foi o relato da menina com uma vassoura na mão e uma boneca na outra, sem nenhuma dimensão do que havia acontecido e se oferecendo pra ajudar a limpar a casa.
Pode não parecer pelo meu relato, até porque não dá pra transmitir o sentimento da entrevista, mas aquela fala, somada a todas as imagens que eu tenho visto para montar o doc, e ver todos os outros relatos de pessoas que perderam tudo do dia pra noite, despertou em mim uma tristeza que a muito eu não sentia.
Espero que hoje essa família tenha conseguido se recuperar, e que estejam todos bem, que a menina esteja estudando e que o futuro lhes reservem mais momentos de alegria.
submitted by Lohancn to desabafos [link] [comments]


2020.10.21 01:19 shylizie Amizade Tóxica? Preciso de ajuda

Eu não sei se minha amizade é tóxica, não sei se devo me afastar ou manter, preciso de conselhos. Vou chamar a garota em questão de Florzinha, nos conhecemos em 2009 nós tínhamos 7 anos, o pai dela se casou com a minha tia (irmã da minha mãe), eles moravam em outra cidade e eu passava vários dias das minhas férias lá, no início a gente não gostava muito uma da outra, mas depois ficamos super amiguinhas, eu me sentia bem por conseguir conversar tão abertamente com ela, porque eu sou muito tímida e tenho dificuldade com interações sociais. O tempo passou e ficamos ainda mais amigas, conversávamos sobre problemas pessoas e importantes e coisas bem aleatórias, éramos melhores amigas e nos víamos nas férias escolares e em alguns feriados. As coisas começaram a mudar em 2015 quando ela fez amizade com um grupo de garotas, eu achei bom que ela tinha aparentemente boas amigas pra cuidar dela porque eu não estava perto, afinal moramos em cidade diferentes. Nesse tempo eu comecei a me sentir bem de lado, principalmente depois dela dizer que uma das meninas lá é a melhor amiga dela, eu fiquei super triste porque considerava a Florzinha minha melhor amiga, mas a melhor amiga dela outra.
A Florzinha tratava minha irmã mais nova muito mal e eu não conseguia brigar com ela (arrependimento), ela também deixava em evidência que o cabelo dela era ótimo porque era liso, enquanto eu tenho o cabelo crespo e não sabia cuidar, então eu alisava e ela fazia parecer que o dela é melhor, quando ela me visita reclama que minha cama é dura e quando eu visito ela, ela enfatiza que a cama dela é macia e confortável, diz que não vai me mandar fotos ou vídeos porque vai lotar a memória do meu celular e em seguida lembra como o celular dela é o lançamento mais recente e tem muita memória, sabe são coisas que não tem necessidade de ficar se dizendo repetidas vezes.
No início de 2019 ela ficou com o namorado da menina que ela disse ser a melhor amiga dela, isso nem aconteceu comigo mas eu tomei as dores da menina, traição é uma falha de caráter muito grave e eu parei de falar com a Florzinha, só que pouco tempo depois a mãe dela ficou muito doente e eu voltei a conversar com ela pra dar apoio emocional. Ela se mostrou ciumenta com algumas amizades que eu fiz ano passado, e quando ficava eu, ela e uma outra prima minha ela sempre reclamava por querer atenção exclusiva, não queria "dividir".
Um erro que eu admito ter cometido foi não ter dado chance a outras amizades por pensar "Eu tenho a Florzinha e não preciso de outras pessoas" e fazer amigos nunca foi algo fácil pra mim, então eu deixava as coisas do mesmo jeito. No início desse ano eu passei por um momento muito difícil, cortei o cabelo bem curtinho por causa da transição capilar e eu estava muito triste na época, minha auto estima depende do meu cabelo e pra mim meu cabelo estava o pior possível, eu nem conseguia olhar no olho das pessoas de tão feia que eu estava me sentindo, eu não consegui conversar com ela sobre isso porque ela já havia mostrado não conseguir ter empatia com esse assunto (muitas vezes) então ela sabia que eu estava triste, não sabia o motivo e achou ruim eu não querer contar pra ela, nesse momento difícil meu namorado me ajudou. Nesse tempo ela conheceu uma garota e passou a entender que tem interesse em meninas e ela ficou super empolgada com essa nova amizade e a gente conversava mas não fluía bem, eu não conversava sobre meu problema e ela não queria falar nada sobre ela, então aos poucos nos afastamos (algo que partiu das duas) e raramente conversávamos, as pessoas ao redor notaram a diferença na nossa amizade e todos dizem que foi porque eu comecei a namorar sendo que nossa amizade apresentou problemas desde muito tempo mas ninguém notou isso, eu não posso me justificar porque teria que dizer que ela gosta de meninas e ela não é assumida.
Hoje em dia vez ou outra a gente conversa, no começo esse afastamento me abalou muito mas agora eu não me importo se ficamos mais de uma semana sem conversar. Eu devia lutar mais por essa amizade de 10 anos? Eu deveria me manter afastada? Conselhos por favor.
submitted by shylizie to desabafos [link] [comments]


2020.10.20 22:41 LucasOkita Pensamentos em uma casa noturna

Isso aconteceu a um tempo atrás. Minha namorada trabalhava em casa noturna como caixa e um dia eu quis passar a madrugada lá com ela pra ver como é, ela falava bastante de lá, dos figurões que apareciam, dos acontecimentos, eu fui. Todo mundo lá sabia que namorávamos e beleza, nenhuma menina mexia comigo. Mas algumas coisas me marcaram naquela noite:
- O olhar de muitos homens que estavam lá não era um olhar de desejo pra transar, mas sim de solidão.
- É uma coisa mega óbvia, mas muita gente esquece, prostitutas são seres humanos, pessoas, muita gente demoniza ou marginaliza. As meninas que trabalham lá são pessoas mega legais, uma bem diferente da outra. Eu e minha namorada trocávamos altas ideias sobre livros e dança com algumas delas, sobre gostos e comidas, dividir uma pizza durante o trabalho (inclusive com o pessoal da "staff").
- Naquela noite uma das garotas foi estuprada no quarto, mesmo num lugar mais controlado ainda tem descabeçado que faz mal aos outros.
- É cansativo pra porra um lugar desses por vários fatores.
Hoje em dia ela não trabalha mais lá pq, afinal, é um lugar perigoso e ela queria trabalhar mais perto de onde moramos. Mas é isso.
submitted by LucasOkita to desabafos [link] [comments]


2020.10.20 19:34 SuperMassiveCookie Eu não entendo como fico desempregado com tanta gente sem noção no mercado

To fazendo um freela presencial numa agência essa semana pra ajudar a terminarem uns designs. Como estou desempregado há um ano to topando tudo.
Cheguei aqui e me deparei com a situação. Uma menina que entrou na semana passada como redatora, dessas de família bem rica, tentou assumir a coordenação de uma área da empresa, de branding, e ao ver que não teria apoio e pouca possibilidade de conseguir essa promoção, hoje ela já avisou que ia chegar mais tarde porque ia fazer uma entrevista de emprego em outra empresa.
Eu ri.
submitted by SuperMassiveCookie to desabafos [link] [comments]


2020.10.20 08:02 BlueElodin Não sei mais flertar!!!

Tenho 20 anos e cheguei num ponto onde não sei mais flertar ( ou talvez nunca soube).
Perdi BV aos 9 anos. Meu primeiro beijo de língua foi aos 13 (com minha primeira/única/ex namorada) e perdi minha virgindade aos 18.
Tipo, acho que vivi tudo no tempo certo (certo para a minha pessoa).
Me considero um cara bem tímido, apesar de que quando estou em uma rodinha no bar ou festa consigo me virar e ter boas conversas (dependendo muitas vezes das pessoas na roda).
Tive minhas fases boas, porém a maioria das vezes que fiquei com meninas que me interessasse ou foi porque elas tomaram a atitude comigo ou foi porque eu tinha plena certeza que teria chance com elas, e isso aconteceu pouquíssimas vezes em ambos os casos. Há também as situações onde eu fico com meninas que não me interessam, mas devido o tempo sem ficar com ninguém acabo aceitando (carência, eu sei kkkkk).
Muitos falam que me subestimo demais em diversos pontos e meio que concordo em partes. Enquanto me considero um cara 6,5/10 há quem diga que sou um 8/10, às vezes 9/10.
Como mencionei antes, perdi a virgindade com 18, porém tive oportunidades nos meus 15 e não fiz nada por falta de confiança e também por eu ter sido muito ligado a religião naquela época (papo de eu escolhi esperar e tals).
Tentei Tinder ultimamente e percebi que a maioria das pessoas usam isso por puro ego, nunca consegui manter uma conversa por muito tempo. Não tenho nenhuma amiga com quem me sinto confortável a conversar sobre pra poder me auxiliar e sinto que falar isso com um amigo homem não vai resolver muito devido a possibilidade de zoação (podemos considerar isso um pouco como masculinidade tóxica??).
Enfim, me sinto inseguro, com baixa autoestima, muitas vezes um ser desinteressante, e apesar de ter diversos assuntos legais pra trocar ideia não consigo conduzir isso a um flerte. Sempre ganho mais uma conhecida no meu insta e fico como "aquele sujeito legal que conheci em tal lugar e nunca mais nos falamos". A pandemia dificultou ainda mais isso e não sei mais o que fazer.
Obs: primeira vez escrevendo aqui no Reddit galerinha, sou novo na rede kkkkkkkk mals ter deixado a situação um pouco confusa. Estou acostumado em escrever no meu journal, onde eu sou o único que entende minhas colocações no texto akakak. É isso, peace out.
submitted by BlueElodin to desabafos [link] [comments]


2020.10.20 04:58 Valuable_Fly_3764 Ser homem e feio foi a pior coisa que me aconteceu na vida.

Obviamente, estou usando uma conta nova, não quero expor algumas informações.
Meu nome é A, tenho 23 anos.
Desde quando eu era menor, fui maltratado e feito de piada/chacota por causa da minha aparência; Os únicos que não faziam isso eram meus pais.
Tenho um rosto torto e um nariz gigantesco. E isso obviamente, causou um bullying fudido que afetou minha saúde mental de uma maneira horrível, que vão desde notas ruins na época do colégio, paranoia, e até minha autoconfiança, hoje em dia. Faço terapia desde 2007, mas muitos desses problemas vieram cedo, e deixaram uma marca profunda.
Desde sempre, não importa o tema, eu fui tratado feito um cidadão de segunda categoria. Isso fica obviamente, mais evidente quando o quesito é relacionamentos e interações sociais.
Eu tenho amigos, e eles me tratam super bem, mas sabe quando você percebe que tem algo de errado?
Como se você não merecia estar lá? Como se estivesse fora do lugar?
É um sentimento recorrente, e horrível.
E sobre relacionamentos, oras, pior ainda!
Eu sou frequentemente alvo de piada do gênero oposto. Sendo online (Tinder) ou offline.
Uma situação que vem a cabeça, foi quando eu dei match com uma menina normalzinha no Tinder, e ela zuou o tamanho do meu nariz, falando que ele era maior que o meu pau. E não, não é mentira.
Eu até desisti de perguntar o por que disso, considerando que eu não tenho dificuldades em fazer amigos dos dois gêneros, porém nenhuma mulher me vê como um cara que ela consideraria sequer abraçar.
E isso, me cansou o suficiente. Óbvio que a quarentena só potencializou isso, but still.
Acho que o ponto aqui é: Caso você não tenha nascido feio e homem, agradeça a qualquer deus que tu acredite, pois isso eu não desejaria ao meu pior inimigo.
Que no caso, sou eu mesmo? Não sei dizer isso até hoje.
Obrigado por ler, boa noite.
submitted by Valuable_Fly_3764 to desabafos [link] [comments]


2020.10.20 03:53 Control-Much Eu me sinto estranho, eu sou estranho pra caralho

Geralmente eu não sou um cara de pedir auto-ajuda, sinceramente esse é meu primeiro post aqui no Reddit, (acredito que já lurkei o suficiente) a real é que eu fui abusado pela amante do meu pai bem novo. (ela tinha 24 e eu tinha 8) isso se perpétuo até meus 13 eu acho com isso a infame desgraçada além de enfiar o dedo no meu rabo conseguiu me transformar em um garoto bem introvertido e quieto, logo, um punheteiro bem novo ela conseguiu me “depravar” bem novo fazendo eu me tornar uma batata social que vivia em função de realizar os desejos pedófilos dela, na real é que eu me sinto culpado por gostar disso além dela ser amante do meu pai e morar na minha casa como se fosse filha da minha mãe (ela simplesmente agiu como santa para ser acolhida pela minha mãe, a mesma tratava ela como minha irmã) logo isso me fez desenvolver vários problemas como fobia social e problemas de insônia pós ela fazia questão de me “felar” a noite assim quando bem entendia, eu geralmente falava não e que ela não podia fazer aquilo comigo então ela tampava minha boca com a mão e continuava.
A longo prazo isso me ferrou de diversas formas tanto nos meus relacionamentos, quanto na vida social e profissional. Além deu ter ereções aleatórias, isso não parou nem depois da puberdade. Eu sou um viciado em pornografia e sexualizo coisas simplesmente não saudáveis, claramente minha mente se tornou perturbada depois daquilo, mas eu nunca desenvolvi um quandro mais sério quando eu era novo, não comparando do que eu desenvolvi uns anos para cá.
Bom, assim que eu cheguei nos 14 e arrumei minha primeira namorada é que eu tive uma epifania, a primeira é que minha vó é uma arrombada (ela simplesmente impatou a minha primeira foda porque minha mãe pos ela de babá para não deixar eu meter o boneco na menina, depois que minha vó expulsou ela da minha casa logo depois essa garota terminou comigo) a segunda é que minha vida não tinha muito sentido as pessoas me usavam para ter o que elas queriam seja prazer momentâneo, objetos, serviços ou apóio moral e logo depois me descartam como um trapo velho, isso tudo veio junto com a morte do meu tio com 42 facadas na barriga, querendo ou não meu tio além de um grande cheirador de coca, era um dos meus melhores amigos (Ele me mostrou jogos online, lan houses, amigos, e cuidava de mim verdadeiramente sem pedir nada em troca além de um dinheiro para ele comprar um saquinho da fininha as vezes) Ele simplesmente curou minha fobia social e fez eu ter a infância que eu tinha perdido por ser um escravo sexual sem amigos de uma deposito imunda que nunca se importou comigo.
Assim que ele morreu meu mundo desabou foi a primeira experiência com a morte que eu tive, logo de alguém tão próximo, isso me quebrou de diversas formas.
Com isso veio a inevitável depressão eu literalmente só existia para um propósito merda, eu comecei a fumar cigarro para passar a ansiedade bem novo com 15 eu já fumava os “diversos” aquilo me trazia a sensação de leveza, mesmo que fosse uma paz momentânea, era como se meu cérebro parasse de “autistar” (eu sou hiperativo) mesmo eu queimando cada sinapse cerebral que eu tinha, aquele amargo na boca me deixava calmo.
Meu vício e depressão perduraram até um webnamoro merda que eu tive em que eu acreditava que era a “garota perfeita” pura ilusão de um emocionado eu realmente pensei que eu poderia vê-la, ter uma família com ela, conseguir consertar as merdas que eu fiz para mim mesmo e começar a amar o falo ambulante que as pessoas acham que eu sou, eu simplesmente dei tudo para ela e durante os primeiros 7 meses foi tudo ok, era muito amor e muita consideração minha, pois eu sou um cara muito “good guy”, ela tinha uma depressão bem forte por conta do pai abusivo e da mãe ausente (o pai dela é pastor e espanca os filhos, fica bêbado, vive na degeneração, bolsominion) esses pontos que geraram uma “femcel” esquerdista e bissexual.
Ela era fofa, eu achava que estava apaixonado, mas como todos os meus namoros ela só meu usou porque não tinha nada melhor. E me trocou por um ex paulista “femboy” que exigia nudes dela e a travata como lixo, simplesmente eu me sentia muito culpado, pois eu tinha me iludido em algo que claramente não tinha futuro, mas eu sou extremamente carente então o melhor encantamento para me levar no bolso é dizer que me ama, independentemente da circunstância, literalmente ela dizia coisas para eu me sentir horrível comigo mesmo e logo depois dizia que me amava, eu me sentia abraçando um cactu mesmo que não fosse de “verdade” era a primeira vez que alguém falava que me amava, eu entrei em pânico, mesmo eu sabendo cada segundo que aquilo não era o certo a se fazer e eu estava regredindo.
Querendo ou não ela me ajudou a superar uma fase da minha vida, mas eu nunca parei de me sentir um objeto. Na real eu ainda tive mais certezas disso eu simplesmente sou um dildo de plástico que estou na gaveta para quando elas não têm ninguém. (não eu não me considero bonito, longe disso eu to mais para brasileiro morador de periferia padrão)
Logo depois disso eu quis adiar o problema e começar a sair mais com meus colegas e meu primo começou a morar aqui por volta de 3 meses foi tudo tranquilo até que fomos num “hokah” (buteco adolescente) nós juntamos lá, eu comecei a beber até que perdi a inibição e comecei a ir em toda mulher que eu via pela frente igual um macaco, a primeira me achou simpático e me puxou pro canto quando tudo já ia dar certo um colega me barrou dizendo que ela já tinha “dono”, eu ri e meti um “a gente divide, né pae” meu colega riu muito, por ele conhecer ela a mais tempo eu decidi não “profita-la”, mesmo com ele não conseguindo pegar ela depois, por pura consideração pelo cara, eu fui em outras 6 depois dessa e tomei fora de todas e ganhei um apelido de 7.
Na real é que as garotas agora me viam como uma piada que está lá para quando inflar o ego delas para quando elas precisam, tradução literal: “esquento para um babaca com grana comer”. Esse foi um dos momentos mais WTF possíveis na minha vida se não fosse a briga com meu primo que rolou depois. Ele ouviu o que eu tinha comentado com o meu colega e como as pessoas gostam de me oprimir inventaram uma história vergonhosa sobre meus foras para parecer herói na frente no irmão do meu melhor amigo, e como o resto dos meus amigos de infância babam o ovo do meu primo eles literalmente concordaram com ele criando 3 histórias diferentes do ocorrido literalmente forçando que eles eram “os heróis que salvaram o pequeno betinha de ser cobrado na saida do butequinho”, além do meu primo viver se achando o bonzão ele era um gigolô da porra em casa e só aproveitava não dando uma foda para minha mãe, sendo que ela fazia das tripas coração pro arrombado ele nunca tratou ela do jeito que ela merecia, eu cobrei a mentira que ele inventou e simplesmente fui contra toda a minha rodinha de amigos sendo fraco e falho.
Eu não deixei ele falar toda aquela merda sem ter penalidades, mesmo implorando para ele parar de falar e párarmos de discutir, ele veio para cima eu dei um no queixo e na orelha.
Foi o suficiente para deixá-lo katinguelê, então ele me ameaçou de pegar uma faca para mim, então eu quebrei uma bacia de vidro e com a mão e com os cacos sagrando na minha mão eu falei “tu meu irmão, que viveu a vida toda comigo, vai me furar, na nossa casa, com a nossa família aqui, NA MINHA CASA?”. Além de jogar umas coisas na cara dele porque ele merecia.
Foi o suficiente para minha mãe expulsar ele de casa, meus amigos acharam que eu armei para ele e a pessoa que literalmente passou 16 anos da vida ao meu lado meu melhor amigo chupou o ovo do meu primo, vendo tudo que ele diz como verdade absoluta.
Mais cedo ou mais tarde íamos brigar eu acabei de brigar com outra pessoa que viveu a vida toda ao meu lado, isso para mim, é frustrante porque literalmente eu sou dependente de toda emoção positiva que as pessoas têm por mim, ele usou o argumento que eu sou “mimado” por não ter nada da forma que eu quero, mesmo eu saindo errado em tudo quase sempre. Esse argumento ele valida falando que “eu tive tudo na vida agora não aguento perder”, eu esqueci de falar que a amante do meu pai antes de ser pega pela minha mãe roubou todo o dinheiro do meu pai e sumiu do mapa.
Meu pai trabalha no comércio então com a crise, inflação, copa do mundo, carnaval e covid. A gente sempre passa um aperto aqui e alí.
Eu simplesmente sou muito sensível a essa merda eu não sei porque esse padrão aleatório de merda me segue e eu não consigo ser feliz, ou do porque eu me importar com isso.
¹Edit: eu comecei a gostar de trans então a tampa do bueiro leva ao esgoto, por isso eu to aqui. ²Edit: eu me sinto sozinho e vulnerável ³Edit: eu sinto que a minha solução seria uma pessoa que sofreu tanto quanto eu para me entender verdadeiramente. ⁴Edit: esse post é frescurento para um caralho, pois eu sou horrível contando algo então essa merda parece pura frescura, mas foi traumático cada segundo ⁵Edit: apanhei para caralho na escola quando era muleque por ser esquisito ⁶Edit: minha irmã não me suportar e tentou me matar usando um iPhone 6 plus, ela quebrou ele na minha cabeça 8 (pontos). ⁷Edit: tentei me matar usando cabo de extensão no box do banheiro e pulando de uma cachoeira.
⁸Edit: é minha primeira vez sendo op aqui, não tenho muito experiência.
Also, acho que embananei essa porra para caralho e não cheguei em lugar nenhum, mas eu precisava de um lugar para postar essa merda sem polimentos com esses pensamentos abstratos antes que eu comece a chorar pelo quão random essa merda de vida é.
submitted by Control-Much to desabafos [link] [comments]


2020.10.20 02:34 Jotarot Me sentindo inútil e podre

Tenho 18 anos, terminei o colegial ano passado em uma boa escola, relações conturbadas com a sala, e não passei em um vestibular. Eu queria passar em Arquitetura e Urbanismo pela Unesp, porém falhei ano passado e esse ano foi pro lixo. Aulas praticamente rasas, 0 ânimo pra tudo, ainda mais com ansiedade (crises), meu TOC voltou e crises de pânico. Eu sempre sonhei em trabalhar como Concept Artist em uma empresa de games, como a CD Projekt Red, mas nem pra eu comprar uma aula de desenho pela internet eu sirvo. Em relação à desenhos, sou autodidata por uma longa parte da minha vida, chego a postar no @eudesenhoeisso no Twitter. Eu não me acho bom no que faço pelo simples motivo de realmente eu não ser para o que eu almejo. Tenho sonho de passar minhas histórias e artes para os games, de forma que pessoas possam ver o mundo/criações com meus olhos. Ando desanimado e sem visão de futuro por boa parte do dia, mais as crises. A menina que mais amo fica muito longe da minha cidade, então nem ela posso ver. Estou andando muito triste e perturbado pelo TOC e ansiedade, porém por uma boa parte do dia eu estou tranquilo. Me sentindo um lixo por tudo isso, porém as vezes fico tranquilo. Um abraço pra quem leu meu desabafo!
submitted by Jotarot to desabafos [link] [comments]


2020.10.20 01:51 ncsgiorno A sensação de quando você não gosta mais de alguém que te rejeitou

[criei uma conta para postar aqui]
Já me apaixonei por algumas meninas da minha escola, sendo que a mais recente delas foi a que consegui desenvolver um diálogo mais duradouro e mais intimidade. Fiquei muito tempo pensando se era recíproco ou não, mas quando descobri que não era, foi um choque muito grande pra mim. Não sei explicar, um caso muito diferente dos anteriores.
Pois bem, estes pensamentos ficaram me perseguindo por mais de 2 anos, eu tinha a impressão de que nunca sairia da minha cabeça. Até que houve um momento no meio da pandemia que parece que eu senti um estalo mágico na minha cabeça. De uma hora pra outra, percebi que já não me importava mais com aquilo. Sério, foi uma sensação muito libertadora pra mim.
Não sei qual foi a causa, será que fiquei preocupado de mais com o vírus e acabei esquecendo outros problemas? De qualquer forma, sou muito grato por ter me livrado. Enfim, só estava aqui refletindo sobre como a nossa paixão por alguém se dissolve com o tempo. Deve ser tudo coisa da nossa cabeça.
submitted by ncsgiorno to desabafos [link] [comments]


2020.10.20 00:06 standthis Agentes da saúde parecem que estão sempre mal humorados

Tive duas crises de desmaios que aconteceram do nada, acho que foram crises de anemia, eu deveria me alimentar melhor, mas demaiei duas vezes em semanas diferentes. Fui num clínico geral do convênio, a secretária era super ríspida, mas me passou as informações com clareza, o médico era um senhor mais velho, eu sempre fico meio receoso com profissionais mais velhos, já que sou gay, vai que eles me tratam diferente. Mas enfim, durante a consulta ele começou a fazer as perguntas ai teve uma hora que ele atendeu um telefonema no meio da consulta (sim). Enquanto tem uma plaquinha escrito na nossa direção dizendo '' desligue o celular '' ele atendeu na minha frente um amigo que precisava de um ''favor médico''...
Bom, ele era velho, ignorei, ele me pediu pra eu fazer dois exames um de coração e outro neurológico. Os dois aconteceram hoje, no de coração as secretárias foram super chatas, elas tavam impacientes e pareciam que tavam lá forçadas, na hora que fui pedir o exame a que me atendeu ñ olhou na minha cara, mandou eu sentar e esperar. Não as culpo, lidar com pessoas doentes pode ser difícil. Logo depois, me chamaram, fui pra uma sala e a médica mandou eu tirar a camiseta e deitar na maca, ela foi mais gente boa, ela me disse tchau depois que acabou o exame, ela tava bem apressada, imagino a correria que deve ser.
Depois fui em outro lugar fazer um eletroencefalograma, a menina que me atendeu foi mtoo chata, ela não me instruiu em nada, mandou eu deitar na cama e começou a por uns negócio na minha cabeça, eu não fazia ideia do que era, eu senti que eram uns adesivos. Enfim, depois disso eu fiquei no quarto no escuro enquanto eu sentia uns espasmos, passou uns 15 min e acabou, ela voltou e começou a tirar em mim os eletrodos (?), eu tava bem desnorteado pq durante o negócio tinha que ficar de olhos fechados e acabei dormindo, quando acabou eu comecei a perguntar se era normal eu ter sentido uns piscar de luz enquanto tava acontecendo o procedimento, ela me interrompeu e mandou eu me limpar, eu fiquei ''nossa deixa eu terminar de fazer minha pergunta pf? e aliás, me limpar de que?'' ignorei, ela devia estar super atarefada, parece que só ela fazia aquele exame no lugar onde eu fui. Sobre o negócio pra me limpar ela tinha colocado um gel/massinha na minha cabeça pra grudar os eletrodos e minha cabeça tava cheio daquilo, eu fui no banheiro do quarto e sofri pra tirar, quando eu sai já tinha outra menina na cama onde eu tava, eu fiquei ??? e agr o que eu faço, ela nao tinha me dito nada. Perguntei se eu poderia ir embora e fui.
Enfim! Só quis escrever como foi meu dia, e nossa eu fico meio chateado que eu nunca sou bem atendido nos lugares que eu vou? Mas eu tento não pegar pra mim, essas pessoas são pessoas, e talvez ela só estejam num mal dia... Mas pra quem trabalha na área da saúde eu só gostaria que elas fossem um pouquinho mais gentis.
submitted by standthis to desabafos [link] [comments]


2020.10.19 15:23 diogodm14 Galera da área militar

Estou ficando com uma menina que é bombeira de uma cidade e, bem no dia do aniversário dela, ela estará de plantão no quartel. Eu havia pensando em comprar uma cesta de café da manhã e pedir para entregar no serviço. Será que pode dar algum problema? não sei como funciona essa questão de hierarquia, disciplina ou sei la mais o quê na parte militar.
submitted by diogodm14 to desabafos [link] [comments]


2020.10.19 07:17 yooo66666 Autosabotagem, pornografia e brochar.

Nem sei por onde começar... primeiramente tenho 20 anos e é realmente um pouco constrangedor escrever isso mesmo sabendo que ninguém me conhece, mas ok bora lá. A mais ou menos 2 anos eu terminei o meu ultimo namoro e já naquela época eu consumia pornografia mas era beeem menos, tanto que ainda não atrapalhava nada em minhas relações sexuais, tudo sempre flui numa boa, nunca pensei que poderia ter problemas com isso. Daí, dps do termino comecei a consumir mais a pornografia mas ainda tava dboa, me sentia tranquilo em relação a isso, trocava ideia com varias mina me sentindo bem e despreocupado, só que aí pro final de 2018 eu fui encontrar uma amiga minha e rolou minha primeira brochada, fiquei porra, desesperado na hora, com vergonha e pá(era a primeira vez da mina) nussss fiquei bem abalado serião, falei com uns amigos meus e eles foram suave, nem tiraram sarro, disseram que era normal, mas aí que começou o problema(deveria ter levado numa boa né, todo "mundo" leva isso numa boa, pq eu n iria) enfim, a partir daí comecei minha graaande jornada de autosabotagem e porra velho, até hj n consegui superar isso (como cara???? kkkk taloko) eu realmente rio disso, pq parece ser piada as vezes, eu gosto de mulher, gosto demais cara, e desde de essa época eu comecei a questionar tudo, minha sexualidade, pô problemas mentais, uma avalanche de pensamentos mesmo. (Tá, são muitas coisas a se falar e ainda to com vergonha de escrever isso, mas vamo lá)
Inicio de 2019 e eu tranquilo até ainda, sem nenhuma confusão mental aparente e ainda trocando ideia dboa com umas mina, aí conheci uma menina e a gente foi se aproximando, se beijou e pá, começou a rolar um amorzinho mas a gente n tinha transado ainda e aí um dia ela me chamou pra eu ir na casa dela, era carnaval, fui né, bebemos umas, fumamos uns beck e ficamo daquele jeitão né, delícia, pegação que num parava mais e aí começamo a tirar a roupa, ela me chupou(suave até então, meu pau tava levantado kkkkk) e eu tava dboa tb, eu chupei ela dps e aí bateu aquela ansiedade trevooosa, pq né o proximo passo seria nois fuder e assim... aiai.. eu tinha camisinha lá(ps: no meu ultimo namoro agnt transava so´sem camisinha praticamente) e mano, tremi nas base, falei pra ela q tava sem camisinha e né, ela tb nem tava afim de ir sem, e continuei chupando ela numa boa, mas né, pensando daquele jeitão nas coisa, preocupadasssso, uma lokura gente, aí blz, dormi la e de manha ela veio me cobrar q eu podia ter ido na farmacia e só dei uma desculpa(rapaziada por incrivel que parece n sou gay e eu me questionei bastante sobre isso, pode acreditar). Depois disso começou o desastre, toda vez q pensava em sexo pensava em brochada, instantâneo tipo, aí assim, quero resumir um pouco ne, mas vou falar oq me der na telha aqui. Dps desse ocorrido n falei pra ngm, nem amigo, nem psicologo, nem nd, malucao o cara ne, fala nem pra psicologo aiai, tabom. Dps com essa mina, de précha, broxei mais uma vez só q ai dessa vez foi na hora da penetração mesmo, aquela meia bomba que todo mundo adora, lindeza que só( to falando desse jeito pq acho q assim vo sentir menos otário) aí acabei me afastando dela (vergonha absurda, eu sou uma piada msm), deixei claro pra ela q o problema era cmg, e que ela era né MARAVILHOSA (pq de fato era kkk) aí meus manos e manas, nesse momento eu ja tava 0 bem das ideia(ps: faz mais de 1 ano isso e to desabafando isso só agora pra alguém ok) , escondendo tudo de todo mundo, mas transparecendo que tava tuddo deboa ne, kkk aiai. Que eu me lembre dps dessa mina passou um bom tempo q eu nem tentei nada com ngm(no sentido de ir pra hora H) e tipo, eu continuei flertando, com altas mina e dando idéia mas só na raso (olha o medo que tava, medo de brochar, eu sla, nem imagino falar isso pro meu amigo mais proximo q eu morro de vergonha sla) continuei flertando e pá ne, considero estar em um ponto bem alto da minha kkkk beleza facial e de personalidade tb, ent acaba q altas guria se interessava, e eu bobo né, dava papo mesmo sabendo desse meu problema kk. Ok, final de 2019 chegou um dia lá que a mesma mina q eu tinha broxado lá na primeira vez, me chamou pra ir na casa dela (claramente pra gente fuder) e eu em duvida, falei q n podia, por causa desse medo mesmo e sla, acabei indo encontrar uma amiga minha e a gente beijou dps um tempassso q eu tava afim e assim, fez minha noite tlg, n transei, nem brochei kkkk foi ótimo. Ok, vou voltar aqui no assunto da pornografia e falar q, durante o ano inteiro de 2019 eu provavelmente me masturbei quase todos os dias, pra pornô msm (mas nessa época nem tava ligado em questão de estimulo visual ser tãaao importante pra uma possivel brochada) ok, n dava a minima pra quantidade de porno q eu consumia, só seguia a vida msm, achando que todo esse medo aí meu, era problema meu, sla algum problema mental q eu desenvolvi e q era isso, botei na minha cabeça q ia continuar a ver pornografia pq já q eu n ia transar, pelo ou menos o porno ia me satisfazer( QUE ERRO, REPITO QUE ERRO jovem eu de um ano atrás). Aí pra frente é confusão mental atrás de outra, ia pro psicologo nem sabia oq falar, ficava todo perdido, todo vez q eu podia pensar nisso eu pensava e ia fuuundo e paranoia e fantasia de coisa nem ia acontecer, mano, to querendo é chorar escrevendo isso, nunca tinha botado pra fora isso, enfim... final de 2019 li em algum lugar sobre um negocio q chama reboot, que até tem video no TEDx sobre isso e video do Terry Crews falando, que é basicamente vc ficar sem se masturbar por um tempo indeterminado, que aí uma hora tudo ia voltar ao normal, na hora q eu li eu falei "É ISSO, É ISSO, PRONTO VO RESOLVER MINHA VIDA AGR MESMO" mandei msg pro meu psicologo falando q nois tinha q conversar, tava todo animado, cheguei lá, falei pra ele tudo, tudo q tinha rolado, tava rolando e falei disso aí, mas ele n me recomendou eu fazer esse reboot, falou q a masturbaçao é algo importante pro individuo, e sla, me convenceu q era melhor eu só esquecer disso e levar a vida (hj eu lembro disso e assim, meio cuzao ele ne) na hora nem parei pra pensar no negocio, tava lokin das ideia já.
Vo tentar resumir agr, dps desse aí, continuei me masturbando pra porno ainda, as vezes eu tentava parar um tempo por causa de coisa de twitter e pá, mas acabava voltando uma semana dps. Nessa época eu comecei a criar um autoestima fodida em cima disso, foi surgindo assim tb, fui levando a vida como se tudo oq tivesse rolado tivesse sido só uma fase da minha vida e que tinha passado e que eu já tava deboassa em relação a questão de brochar, que na proxima vez q rolasse ia dar certo, tipo, tava bem deboa. Aí né tava confiante, e um belo dia chamei uma mina q tava cvs pra vir aqui em casa, agnt ja tinha ficado uma vez e tava né, com tesão afinzassso, começamo a tirar a roupa foi indo, chupei ela, suavao, aí ela foi me chupar e ele abaixou do nada, sim, no meio do boquete foi pra vala minha líbido, tentei ressuscitar mas n tava indo, bati uma ali mesmo e n foi, minha cabeça já tava a mil, ja´era ne kkk falei pra mim msm, dps agnt fumou um pra ficar dboa e cvs com ela e pá, ficamos suave. Teve mais uma situação com essa mina (acho q eu forço muito né, mas eu tava só querendo botar minha autoconfiança pra cima de certa forma) agnt saiu comeu um burg já naquele estado né, e dps fomos pra casa dela, casa n, escada do prédio e rolou ali msm, oral dos dois, n brochei durante foi suave, mas na hora de penetrar nela o menino abaixou, mas fiquei deboa, respirei e fui estimulando, uma hora deu certo, botei pra dentro e foi(meia bomba kkkkk), foi pouco tempo mas foi, aiai, que saudade dessa sensação meus amigos kkkk enfim, isso era inicio de 2020, daí começou a quarentena e desde entao eu nem saía de casa né, pra pegar alguém (pra nd msm), mas continuei flertando dms ne, cabo que, uma mina lá falou pra eu ir na casa dela pra né e ja botei na cabeça que n, que n ia rolar, que ia dar merda, já pensando na brochada (ô laia) e confundindo minha cabeça, falando q sexo casual é merda (nunca nem fiz sexo casual) só inventando mentira pra disfarçar esse problema meu, enfim, dei perdido na mina. Aí (ta acabando tá? se algm tiver lendo) anteontem uma mina veio aqui em casa, ja tinha combinado a uma semana atras, mas assim kkkkjjjj, imaginando q agnt nem ia transar nem nd, no maximo um boquete e tals, por isso nem fiquei preocupado com broxar e pá, só aquele calafrio basico de trocar ideia com uma mina q tu realmente acha daora, pela primeira vez, pessoalmente (coisa linda) me preparei total, comprei um corre pra gente pitar, comprei umas breja, umas comida, meditei um pouco pra ficar suave e foi né. Ela colou, agnt trocou altas ideia daora (sla eu tava um pouco de receio de ela achar eu meio maníaco de já querer transar direto assim) aí preparei o ambiente como eu disse, fui fazendo um clima rolar alí...rolou... pegação intensa, tava adorando, bão dms, aiai, que mulher minha gente, começou a passação de mão, eu meio passivo ainda, mas tava daora, aí ela tirou meu short e ja comecei a ficar em choke(pelo lado bom) nem tava pensando em nd, aí ela parou assim e perguntou se algm podia ver nois ali (agnt tava no terraço de casa) aí falei q n, mas q sepa era melhor nois ir pro sofa q aí ne, já ficava mais confortavel( eu sou mt burro) kkkkkkkkkkk ta, ai´fomos pra la, nisso eu ja tinha guardado o pau e tava mole já, e mano, voltamo a se pegar(po eu tava desaprendido 7meses em casa) pegação lá intensa, bão dms, ai´vacilei comecei a pensar na famosa broxada, passou um tempo ela tirou minha calça e começou o oral, e adivinha n fiquei duro, e eu acho ela gostosa, acho dms, n creio q esse seja o problema, n creio q o problema seja eu n ter atração por mulher, eu tenho sim, só acho q a pornografia me leva a ter uma rotina, um vício FUDIDO que faz eu me apagar a minha própria mão, a esse ambiente nojento da punheta e de tudo q ela envolve com a pornografia, mano, eu to muito puto comigo msm, pq JÁ SE PASSOU MAIS DE ANO Q TO NESSA MERDA DE SITUAÇÃO PODRE, MANO EU QUERO TER FILHOS UM DIA, EU QUERO TER ESSE PRAZER DE TRANSAR, EU QUERO TER ESSE PRAZER DE VIVER UMA VIDA TRANQUILA SEM TER Q ME PREOCUPAR COM PROBLEMAS DE BROXAR, EU SINTO UM DESCONFORTO TÃO GRANDE COM MEUS AMIGOS, QUE REALMENTE SÃO MEUS AMIGOS E DISCUTEM ABERTAMENTE SOBRE ISSO, MAS NGM NUNCA FALOU SOBRE BROXAR, ME SINTO UM INUTIL NESSE SENTIDO ESCREVENDO ESSE TEXTO. CARAS, EU N QUERO VIVER A VIDA TODA ASSIM KKK NEM FOODENDO, NEM FODENDO. Só quero resolver isso e parar de pensar tanto em coisa que é inútil, amanha ja devo cvs com meu psicologo a respeito pq n da mais, eu fico triste, sinto um vazio imenso em mim dps q isso acontece, se alguem leu até aqui, obrigado pelo o seu tempo, diga aí oq vc acha sobre, ou n tb, se que sabe, enfim, abraços e uma boa noite pra todos. :j
submitted by yooo66666 to desabafos [link] [comments]


Lute como uma menina! - YouTube COMO CONQUISTAR UMA MENINA NO WhatsApp 2017 - YouTube COMO CONQUISTAR UMA MENINA?! - YouTube VIREI LÉSBICA COM OUTRA MENINA NA CAMA (ELA ME BEIJOU ... O que significa: fazer as coisas Tipo Menina?  Always BR ... Como Beijar uma Menina - YouTube Luísa Sonza - Boa Menina - YouTube COMO SER UMA MENINA TUMBLR  Make + poses + roupas! - YouTube Como Saber Se Uma Garota Gosta De Você - YouTube

5 Passos Garantem Como Conquistar Uma Menina Com ...

  1. Lute como uma menina! - YouTube
  2. COMO CONQUISTAR UMA MENINA NO WhatsApp 2017 - YouTube
  3. COMO CONQUISTAR UMA MENINA?! - YouTube
  4. VIREI LÉSBICA COM OUTRA MENINA NA CAMA (ELA ME BEIJOU ...
  5. O que significa: fazer as coisas Tipo Menina? Always BR ...
  6. Como Beijar uma Menina - YouTube
  7. Luísa Sonza - Boa Menina - YouTube
  8. COMO SER UMA MENINA TUMBLR Make + poses + roupas! - YouTube
  9. Como Saber Se Uma Garota Gosta De Você - YouTube

Usar a expressão #TipoMenina como um insulto, afeta a qualquer menina vencedora. Mesmo ganhando uma partida de golf contra um menino, Zoe se sentiu derrotada... Blog: www.molinnablog.com Instagram:jullymolina Snap:jullymolina Twitter:@jullymolinna Facebook.com/jullymolinna Contato:[email protected] Este documentário conta a história das meninas que participaram do movimento secundarista que ocupou escolas e foi as ruas para lutar contra um projeto de re... espero que as dicas adiantem galeraaa!! caso vcs queiram mais vÍdeos assim, deixem aqui nos comentÁrios ok? nÃo esquece de mandar desafios! amo vocÊs!!! ️ __... Clique aqui e ouça a música: https://umusicbrazil.lnk.to/BoaMeninaYD SIGA LUÍSA SONZA: https://www.facebook.com/LuisaSonza https://twitter.com/luisasonza htt... Inscreva-se em Incrível: https://goo.gl/ZHFt2x ----- Como Saber Se Uma Gar... Baixe Grátis a ONEFOOTBALL para ANDROID e IOS!! Clique no Link: https://tinyurl.com/DanielBaki-04 Canal deles: https://www.youtube.com/channel/UCthHsGZrNOE9T... Meu Treinamento pra você - http://homemderespeito.com Como Beijar uma Menina da Maneira Correta sem Constrangimento, Dicas simples de como beijar bem uma men... Inscreva-se. ↗ Tá valendo em 2020 😂 Meta de 70 mil Inscritos.. ⏪ Meta de 120 mil Like... deixa seu Like. deixa seu comentário. Errando que-se apren...